RadarURL
<< Médium Anterior   |   Médium Seguinte >>

Nome: Stanislawa Tomczyk
Data Nascimento:
Data Desencarne:
País de Origem: Polônia

Stanisława Tomczyk foi uma médium polonesa do começo do século XX e foi a esposa de um oficial polonês. A mediunidade de Stanislawa Tomczyk foi descoberta pelo pesquisador o Prof. Julian Ochorowicz em 1908-10 em Wista, sul da Polônia. Ela foi regularmente hipnotizado pelo Prof. Julian Ochorowicz, e sob este estado que ela assumiu outra personalidade chamada "Stasia Little" Ela podia mover as coisas sem tocá-los, parar o movimento dos relógios em diversos casos, e mesmo escolher os números certos em uma roleta, influenciando. Ela alcançou notável sucesso em levantar objetos pequenos e de suspensão no ar, sem contato com suas mãos. O Prof. Julian Ochorowicz explica que os movimentos físicos dos objetos foram realizados por "raios" ou fios finos que emana de seus dedos. Ochorowicz observa, "o fio fica mais fino e desaparece". Dá a mesma sensação como uma teia de aranha, se ela é cortada com uma tesoura, a sua continuidade será restaurada imediatamente, sendo que ela produziu os mesmos fenômenos quando testado sob condições rigorosas em um laboratório em Varsóvia. O Prof. Julian Ochorowicz foi atribuído um prêmio de 1.000 francos pelo Comité d'Étude de Photographie Transcendental pelas suas experiências. Em 1910 a médium Stanislawa Tomczyk foi investigada por uma bateria de cientistas em Varsóvia, capital da Polônia, e na cidade de Munique na Alemanha e produziu notáveis fenômenos físicos de materialização sob condições de teste rigoroso. Os experimentos e observações foram posteriormente publicados pelo Barão Albert Von Schrenck-Notzing (Phenomena of Materialisation) e o Dr. Charles Richet (Thirty Years of Psychical Research) O Barão Albert Von Schrenck-Notzing que foi um grande pesquisador dos fenômenos espíritas na Alemanha, através de pesquisas de muitos anos, reconhece a Stanisława Tomczyk como uma poderosa médium também de efeitos físicos, aonde se consegue exteriorizar uma grande quantidade de ectoplasma, sendo que ele tirou muitas fotografias impressionantes de materializações físicas. Assim como Dr. Charles Richet que confirmou a veracidade dos fatos observados. A médium Stanislawa Tomczyk após ser estudada durante perto de 20 anos, por pesquisadores de grandes cabedais tais como: O Prof. Julian Ochorowicz, Dr. Barão Albert Von Schrenck-Notzing, Dr. Charles Richet, O Prof. Theodore Flournoy e muitos outros. Aonde a demonstração da imortalidade da alma e a descoberta da existência do mundo espiritual se tornaram verdades objetivas. Todos estes fatos nos demonstram que as mais ferozes perseguições obscurantistas, calculadas com o fim de empanar a verdade, não atingem o seu propósito e que não servem senão para criar mártires, o que constitui uma lei impenetrável dirigindo a evolução espiritual humana.